Barriga sarada aposte na receita mais simples

Mesmo com séries puras, nem sempre parece que sonhou: a barriga tem músculos difíceis de definir e às vezes a falta de paciência acaba por causar a retirada do treino. A má notícia é que não há como: as sessões são a melhor maneira de formar gengivas e mostrar o umbigo. O bom é que não tens de investir em estratégias de investigação. Seguindo o básico com dedicação, em quatro semanas já pode notar músculos mais firmes.

Abdominal

Eliminam a sagging e deixam os músculos fortes, resultando no aparecimento de estanho. Mas não se enganem: as cicatrizes de contração não queimam pneus, agem na definição. Se precisar de perder as medições, o melhor é combiná-las com um treino aeróbico.

"Os abdominais mantêm os músculos ativos, isto é, em constante trabalho. Portanto, quanto mais frequentemente os abdominais forem seguidos, menor é a probabilidade de sagging", diz o personal trainer e especialista Ivaldo Larentis. Lembre-se que existem vários estilos de movimentos para garantir uma musculatura uniforme, desde o simples no chão até ao oblíquo na prancha declinada (o lado do corpo é trabalhado, definindo a cintura). O segredo é concentrar o esforço o suficiente, contrair o abdómen o máximo possível e libertar o ar ao levantar o tronco.

Barriga curada

Poder

Uma dieta equilibrada também é importante para garantir a cura do estômago. A nutricionista Andrea Ferrara, da rede Contours Academy, explica que para conseguir uma digestão completa e não sentir desconforto durante as atividades físicas, é uma boa opção comer pelo menos duas horas antes do exercício. Também é necessário evitar alimentos gordurosos de difícil digestão, como queijos amarelos e carnes gordurosas ou magras. Fazer as refeições a cada três horas e comer pelo menos duas porções de frutas e vegetais também ajuda a puxar o estômago. Isso ocorre porque você acumula menos gordura.

Correr e caminhar

Correr e andar não ajuda só na perda de peso. Os exercícios também eliminam a gordura localizada, fazendo com que os resultados pareçam mais rápidos. "A cintura reflete treinos de corrida e caminhada, os pequenos pneus desaparecem e basta complementá-los com abdominais para fortalecer os músculos", diz o personal trainer. Ao correr o ideal é sempre manter o abdómen contraído que, além de prevenir uma lesão na região lombar, se fortalece e define ainda mais o abdómen.

Respiração

A respiração é importante em qualquer exercício, mas durante os abdominais fazem uma diferença ainda maior. Como explica o personal trainer Ivaldo Larentis. "Inalar e exalar no momento certo ajuda na contração muscular, fazendo com que os exercícios corram com mais precisão." O correto é libertar o ar sempre que estás a fazer o esforço.

Comentários (4)

*Estes comentários foram gerados por este site.

  • rosarinho i santiago
    rosarinho i santiago

    Ótimo produto

  • marion hessmann
    marion hessmann

    Compro todo mês

  • Viviana G Vandresen
    Viviana G Vandresen

    Amo demais

  • Oriane Haverroth
    Oriane Haverroth

    Estou muito satisfeito, já tinha usado outros mas esse achei maravilhoso

Deixe o seu comentário

Ótimo! Agradecemos você por dedicar parte do seu tempo para nos deixar um comentário.